eventos

Portugal acogerá el Congreso Internacional de naturismo

08 de enero de 2018

Portugal acogerá el Congreso Mundial de naturismo en 2018. días 11 al 14 de octubre de 2018 de la costa de Capariga, en Almada

CP2

Como todos os anos, o lema da Federação Internacional do Naturismo explica que ser naturista é uma maneira de viver em harmonia com a natureza, caracterizada pela prática da nudez coletiva, com o objetivo de promover a auto-estima, o respeito pelos outros e a meio ambiente.

Como mencionado nesta definição da Federação Internacional Naturista, o Naturismo é a prática da nudez em um ambiente coletivo e busca o bem-estar resultante da partilha de nosso corpo com elementos naturais. No final, se pensarmos bem, pode existir algo mais natural e agradável do que o prazer da liberdade corporal em pleno contato com a exposição à água, ao ar e solar?

Depois da Nova Zelândia, agora Portugal sediara o evento neste ano de 2018.

A FPN – Federação Portuguesa de Naturismo através de suas entidades afiliadas organizam atividades indoor que permite manter o naturismo ativo mesmo nos meses mais frios e ao mesmo tempo, a interação social entre os membros,amigos e familiares. Ao longo do ano, as organizações afiliadas a FPN organizam passeios, permitindo uma maior coexistência entre naturistas e não naturistas. As caminhadas no ambiente têxtil representam uma excelente oportunidade para juntar as famílias.

Portugal é um país com uma crescente tradição naturista e bem organizado por suas diferentes associações e federações que regulam diferentes atividades para que todas as pessoas possam desfrutar do naturismo com total normalidade.

O naturismo em Portugal teve seu primeiro recorde histórico nos anos 20 do século passado, juntamente com a Sociedade Naturista Portuguesa, onde o anarcosindicalista José Peralta era uma figura proeminente. A nudez já era praticada nas praias da Costa da Caparica.

Com o estabelecimento do regime ditatorial, os movimentos naturistas foram limitados às correntes vegetarianas e de medicina alternativa, já que a nudez foi proibida e associada a crime de indecência. Somente após 25 de abril é que recomeçaram os movimentos ligados à prática da nudez coletiva.

Conselho Executivo – 2016/18

Presidente: Rui Elvas – CNI-N FPN 1375
Vice-presidente: Paula Batista – CNI-N FPN 1550
vice presidente: Paulo García, CNI-N FPN 1238

Assembléia Geral – 2016/18

Presidente: Júlio Esteves – CNI-N FPN em 1193
Secretária: Isabel Hermoso – CNN-N FPN 1335
Secretário: s=Serras de Carolina – CNI-N FPN 1496

Conselho Fiscal – 2016/18

Presidente: José Sousa – CNI-N FPN 775
Secretário: José Reis – CNI-FPN N 906
Orador: Maria Martins – CNI-N FPN 1237

Via Naturismo en Libertad, editora N

Equipe OS NATURISTAS